quarta-feira, 6 de abril de 2011

Olhos atentos

O Senhor olha dos céus para os filhos dos homens, para ver se há alguém que tenha entendimento, alguém que busque a Deus. (Salmos 14:2 NVI)
Algumas coisas me impressionam muito. Uma delas é saber que Deus, do alto de Sua majestade, olha para a Terra, procurando ver algo nos Homens que criou. É claro para mim que expressões como "os olhos do Senhor passeiam por toda a Terra" (2 Cr 16:9a) e "o Senhor olha dos céus" (Sl 14:2) representam recursos linguísticos, já que o Senhor é onisciente: sabe tudo o que está se passando em todos os lugares, independente da direção na qual Seus olhos estejam olhando. Tais recursos linguísticos, no entanto, parecem-me ter um objetivo bem específico: de traduzir para nós a atenção que o Senhor dá a determinadas coisas.

Dizer que os olhos do Senhor estão em todo lugar (Provérbios 15:13) é conjugar Sua Onipresença com Sua Onisciência, mas dizer que 'os olhos do Senhor olham' especificamente para algo quer nos despertar para aquilo em que o Senhor presta atenção, aquilo a que Ele atribui valor e importância.

Frequentemente, o uso de tais expressões revela que os olhos do Senhor encontram a maldade dos Homens, como resultado da busca dos Seus olhos. 'Todos se desviaram, igualmente se corromperam; não há ninguém que faça o bem, não há nem um sequer.' (Sl 14:3). Mas, o Senhor não detém a Sua busca.

Isso me impressiona. Mesmo tendo total ciência de quais são os Seus filhos e de quais são aqueles que não tem o coração voltado a Ele, Deus procura Homens que tenham entendimento e O busquem, o Pai procura filhos cujos corações sejam totalmente dEle. Mesmo que Ele não olhasse atentamente, saberia que nenhum de nós poderia satisfazer, por si só, à Sua busca. Mas, como nos sonhou semelhantes a Jesus e nos capacitou a sermos assim, em Jesus, Ele nos olha, olha, olha... e não vai desistir até nos ver assim: filhos maduros, manifestando o caráter de Cristo e realizando as obras maiores que as dEle.

Deus procura Homens que tenham entendimento. Uma boa definição para entendimento seria 'faculdade pela qual o espírito se apodera das ideias e as compreende' (Dicionário Priberam). Penso que esta seja a definição que mais se aplica à busca que Deus faz para ver se acha alguém que tenha entendimento: os Homens que Deus procura são aqueles cujos espíritos vislumbraram o plano imutável de Deus e compreenderam Seu Propósito Eterno, são aqueles que, por tocarem no que Deus planejou e quer, apoderam-se das ideias de Deus e compreendem a metodologia que Ele propõe, passando a executar Seu plano, do jeito dEle. Serão estes Homens crentes ou descrentes, conforme os rótulos que estamos acostumados a distribuir? Penso que não necessariamente crentes. Os olhos de Deus deveras não estão limitados à nossa forma religiosa de julgar os Homens.

Mas, como escrevo para filhos, vamos pensar em filhos. Pois, também quanto aos filhos, os olhos do Senhor passeiam pela Terra, 'para mostrar-Se forte para com aqueles cujo coração é perfeito para com Ele' (2 Cr 16:9). Deus olha dos céus para ver se encontra alguém que O busque; o Pai passeia Seus olhos pela Terra para encontrar os filhos cujos corações sejam somente dEle, integralmente dEle,  perfeitamente para Ele.

Isso me impressiona. De certa forma, aterroriza-me. Com muita força, desperta-me. 

Impressiona-me a determinação de Deus em buscar aqueles que corresponderão com o Seu sonho, executarão o Seu plano e cumprirão o Seu propósito. Impressiona-me Sua misericórdia em insistir e persistir, mesmo tendo tanto resultados negativos em Sua busca. Impressiona-me Sua Sabedoria, em garantir que encontrará os que procura, por causa de Jesus.

Aterroriza-me saber que não apenas os olhos do Senhor estão aqui, onde estou, em mim, traduzindo Sua Onipresença e Onisciência, mas, mais especificamente, Seus olhos estão atentamente me olhando para ver se acham em mim o Homem que O busca e se apodera do Seu plano, dos Seus métodos; para ver se encontra em mim a filha madura que corresponde perfeitamente ao Seu chamado nesta geração. Ai de mim...

Desperta-me, ativa-me, a constatação de que posso ser eu a resposta positiva a esta busca. Sim, sou eu, nesta geração. Os olhos de Deus encontraram a Noé, Jó, Zacarias e Isabel, Maria, pessoas como eu, que a Graça formou e chamou para serem integralmente para o cumprimento do Propósito Eterno de Deus, pessoas em que a Glória de Deus Se manifestou através de sua correspondência com o Espírito do Senhor... Ah... Sou uma pessoa como essas e, pela Graça do Pai, manifestarei a Glória de Deus em mim...


Que esta reflexão nos desperte para aquilo em que o Senhor presta atenção, aquilo a que Ele atribui valor e importância: Homens que O buscam e  cujos espíritos se apoderam das ideias de Deus e as compreendem, ao ponto de que seus corações se tornem perfeitos para Ele, perfeita e integralmente dEle. Que o Senhor Se faça forte, hoje, com todos os que correspondermos a isso. 

Que os Seus olhos atentos me achem, Pai. 
E eu seja um resultado positivo para Sua busca nesta geração!

Jackeline Sarah
Escritora 

₢ Todos os direitos reservados. O texto pode ser compartilhado, sem modificações, desde que citada a fonte.

2 comentários:

Juninho Bobu disse...

Que os olhos atentos do Pai, me achem. Me encontrem, me consumam e me tome.

Quero ser o brilho na terra quando os olhos do Senhor passarem por perto, e por perto que Ele enxergue que tem alguém diferente e brilhoso... que enxergue com os olhos no céu, com os olhos na terra e com os olhos no meu coração. É tudo pra ELE!

Jackeline Sarah disse...

Puxa, Jr... Que comentário lindo, ou melhor, que oração linda.

Só posso dizer: Amém!

=)