quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

O QUE EU SEI ME DESPENCA!

Das minhas experiências, coisas que aprendi, coisas que vivi, coisas que sei, de tudo isso, o que aprendi me ensina muita coisa; nos meus erros, muitos irmãos podem vir a ser sábios e não precisarem errar naquilo de novo.

Mas, um dia, ouvi uma frase de uma pessoa que eu amo e admiro muito; a frase era o seguinte: "O que eu sei me sustenta." A pessoa se referia a questões profissionais.

Mas, enfim, isso me fez pensar, já que quero viver
uma vida só, em amor, sem divisões, profissional e
pessoal. E sobre isso eu refleti e o Pai tem revelado
coisas para mim...

Leia mais em O que eu sei me despenca!

Um comentário:

Jackeline Sarah disse...

Cotoxão,

este seu texto, no mínimo, faz pensar no assunto.

Uma das maiores características da humanidade é não ser capaz de aprender com os erros dos outros, o que, facilmente, podemos confirmar, olhando para a história...

Realmente, nada do que eu venha a experimentar ou saber me eleva a um patamar que me permita tomar decisões no lugar de outra pessoa, já que a responsabilidade de cada um é de cada um.

Por outro lado, Deus não nos fez seres isolados, mas nos pôs, tanto na história, como na Igreja, em comunhão com outros como nós. O que nos dá a linda oportunidade de aprendermos uns com os outros.

Se por um lado, é certo que outra pessoa não pode impôr a experiência dela a mim, determinando minha escolha individual, por outro lado, eu deveria estar atenta a observar e aproveitar ao máximo a edificação que me resultasse de uma experiência de outra pessoa, seja boa, seja má.

Deus, muitas vezes, utilizou as experiências de um indivíduo para falar a um povo. E não é sábio e prudente ouvir os conselhos de um ancião?

Vou continuar pensando nisso, mas acredito que nem sempre quem está tentando partilhar sua própria experiência com alguém tem a determinação de manipular a decisão do outro. A consciência da responsabilidade individual, do processo de crescimento individual e a humildade, certamente, auxiliarão no equilíbrio tanto na hora de partilhar, quanto na hora de decidir...

E, sim, amém! Venha logo!

Jackeline Sarah
jackelinesarah@compromissokandeya.com