segunda-feira, 13 de abril de 2009

39 - JESUS É MAIS QUE UM MODELO

Sim, Jesus tornou possível em Si mesmo o cumprimento do plano do Pai. Ele veio como Homem justo e santo, capaz de cumprir todos os mandamentos de Deus e ser perfeito como o Pai é perfeito. Ele conseguiu. Mas, Sua missão não era apenas a de ser reconhecido pelo Pai como o Filho que Lhe dá prazer. Havia algo mais. O Pai disse, na transfiguração:


Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo. A Ele ouví.

(Mateus 17:5)


É claro que o Pai reconheceu em Jesus o Filho Amado, que Lhe dá prazer. Pois o Senhor Jesus tinha deixado tudo no céu, esvaziando-Se e humilhando-Se na forma de servo, vindo como Homem, aprendendo a obedecer. E fazendo tudo o que via o Pai fazer e falando tudo o que ouvia do Pai. Ele já havia vestido a Sua missão, quando foi batizado por João e os pecados dos Homens foram por Ele assumidos, identificando-Se o Justo com todos os injustos. Jesus agradava ao Pai por tudo isso! E esta manifestação do Pai mostrou que o Seu sonho estava se cumprindo em Jesus.


Mas, o Pai queria mais. Ele não havia enviado Seu Filho Único e Amado, que Lhe dá prazer, apenas para poder manifestar este prazer aos que O ouviam naquela ocasião. Ele havia preferido sacrificar Seu Filho, Seu Cordeiro, desde antes da fundação do mundo, para que, através dELe, os Homens que escolhera pudessem ser constituídos Reino e pudessem, em Jesus, o irmão mais velho, dar prazer ao Pai, vivendo para Ele.


Assim, Jesus não podia apenas caminhar entre os Homens, como exemplo, mas era preciso que Ele efetivamente pagasse a dívida que os Homens tinham com o Pai e nunca poderiam pagar por si só.
???????????????????????


Posso eu imaginar o que Jesus teve que fazer para pagar minha dívida e quanto isso custou para ele?


Você pode pensar sobre isso?


Venha o Reino dAquele que pagou toda a minha dívida com o Pai!!!


Jackeline Sarah
jackelinesarah@compromissokandeya.com
Postado, originalmente, em 132/02/08.

Nenhum comentário: