quinta-feira, 12 de março de 2009

33 - SEM LIMITES OU MEDIDAS

Continuo pensando que somente o filho que não sabe o que o Pai fez para tê-lo para Si é que poderá deixar que qualquer pessoa, sentimento ou coisa o separe de Jesus. Porque Deus amou a nós de maneira tal que deu Seu único Filho, o perfeito Filho, o Santo Filho, o Filho que Lhe dá prazer, para que aqueles de nós que nEle crerem não pereçam, sob a condenação gerada pela dívida que jamais poderiam pagar, mas tenham a vida eterna (conforme João 3:16).

Porque Deus amou a nós de tal maneira, que se torna impossível exceder a este AMOR. Nada e ninguém jamais poderão superar ou suplantar o AMOR com que o Pai nos amou, o Filho nos amou e o Espírito Santo nos amou. Ah... E o verbo não pode ficar, assim, no passado, porque Deus nos ama, nos ama e nos ama. E, como a eternidade não obedece a tempos verbais, Ele nos amou-ama-amará sem limites ou medidas.


Enquanto o amor esfria por todo o mundo, o AMOR continua a me abraçar.



O AMOR de Deus abraça nossas vidas, quando ...

Continue a ler.

Nenhum comentário: